• Tá na Mão: Saiba mais sobre o serviço de achados e perdidos da Rmtc

    06/04/2018 Categoria: Por dentro da Rede

    Lançado em julho de 2014, o Tá na Mão é o serviço de perdidos e achados que permite a entrega ou recuperação de objetos encontrados nos ônibus e terminais da RMTC. Até hoje, 2.205 artigos foram devolvidos aos respectivos donos, 155 deles só em 2018. Em média, três pessoas por dia conseguem recuperar seus pertences, é o que constata Silene Lau, responsável pelo atendimento desde o princípio do serviço.

    Artigos são categorizados na Central do Tá na Mão

    Segundo a atendente, são muitos os que ficam emocionados com a notícia de que seus objetos foram encontrados. “Alguns choram, outros ficam tão agradecidos que querem retribuir de alguma forma” diz Silene. Que o diga Karlatielly, que precisava com urgência recuperar seus documentos. “Caso não tivessem sido encontrados logo, muito provavelmente eu teria perdido uma vaga de emprego que buscava” afirma ela.

    Silene Lau trabalha como atendente na Central desde 2014, quando o serviço foi criado

    Os objetos permanecem à disposição do proprietário por 30 dias. Quando não requisitados, alguns artigos como roupas, alimentos e outros instrumentos de necessidades básicas são doados para a ASCEP – Associação de Serviço á Criança Especial de Goiânia. A Instituição filantrópica, sem fins lucrativos, atende crianças e adolescentes, com transtorno mental, deficiência intelectual e física, em regime interno, centro dia e escola de ensino especial gratuito.

    A ASCEP é uma ONG sem fins lucrativos que sobrevive, principalmente, de doações

    Gerente técnica da instituição, Ana Luisa Alves está há aproximadamente 20 anos no projeto e declara que toda doação é valorizada e bem vinda. “Através delas conseguimos manter o projeto e seguir em frente” declara. Para as famílias dos internos, tornou-se um auxílio indispensável “A existência da ASCEP é fundamental para que eu consiga trabalhar durante o dia, deixando meu filho com atendimento especializado” diz Balbina de Souza, mãe de uma das crianças.

    Doações são realizadas todo mês pela equipe do RedeMob

     

    Tá na Mão

    Se você encontrou algum objeto dentro de um ônibus ou terminal, basta entregá-lo ao Encarregado de qualquer um dos 14 terminais geridos pelo Consórcio Rmtc. Todo o material recolhido nos terminais e garagens é encaminhado para a Central Tá na Mão. A Central fica no Terminal Bandeiras (Av. dos Alpes, Jardim Europa – Goiânia) e funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 13h e das 15h às 18h, e aos sábados, das 8h às 12h.

    Quem perdeu ou esqueceu algo que possa ser identificado pelo nome do proprietário, como documentos pessoais, agenda, exames médicos, dentre outros, pode verificar se o item está na Central através do Sistema de Busca no site da Rmtc ou através do telefone 0800-648-2222.

    Para localizar objetos que não possuam o nome do proprietário, como roupas, acessórios, bolsas, guarda-chuvas, etc., é necessário ir diretamente à Central Tá na Mão e apresentar um documento pessoal com foto. Os objetos permanecem à disposição do proprietário por 30 dias, contados a partir da data em que foram entregues. Após este período, os documentos pessoais são encaminhados ao achados e perdidos dos Correios.