• Fraude no transporte público prejudica clientes do serviço

    10/05/2018 Categoria: Produtos

    O sistema público de transporte coletivo é custeado pelo valor da passagem. Por essa razão, os clientes do transporte coletivo são os maiores prejudicados quando alguém faz uso do passe livre de forma indevida. Utilizar o cartão de outra pessoa e deixar de pagar pela passagem é crime tipificado no capítulo VI do artigo 176 do Código Penal Brasileiro, cuja pena pode variar de 15 dias a 2 meses de detenção, além de interferir no preço da tarifa e dificultar melhorias no transporte.

    O Sitpass Funcional é de uso exclusivo dos colaboradores da Rmtc, o Passe Livre Estudantil só pode ser utilizado por alunos devidamente matriculados em instituições de ensino regular, o Passe Livre Idoso deve ser usado exclusivamente por pessoas acima de 65 anos, o uso do SitPass Criança é permitido apenas para crianças de 5 a 12 anos (incompletos) e o Sitpass PCD deve ser usado somente por pessoas com deficiência. Todos são benefícios de uso exclusivo do portador.

    Seja consciente, valorize seu benefício. A mudança começa com a nossa atitude!

  • Campinas começa a abolir pagamento em dinheiro nos ônibus municipais

    09/02/2018 Categoria: Produtos

    A partir de 17 de fevereiro, 40 linhas que circulam pelo terminal central da cidade só aceitarão pagamento em QR Code ou Bilhete Único

    ALEXANDRE PELEGI

    No dia 17 de fevereiro, sábado pós-carnaval, as passagens de ônibus das 40 linhas que saem do Terminal Central de Campinas só poderão ser pagas de duas formas: através de Bilhete Único ou pelo sistema QRCode.

    Como anunciado anteriormente, a medida se estenderá gradativamente a todas as linhas municipais. Uma ação do Ministério do Trabalho contra as concessionárias, em maio do ano passado, questionou o acúmulo de função dos motoristas, que operavam também como cobradores.

    Para a associação das empresas permissionárias do sistema de transporte coletivo, a Transurc, a abolição do dinheiro em espécie no interior dos ônibus vai tornar o embarque mais ágil, além de aumentar a segurança dos passageiros.

    A previsão inicial era que a medida de implantação do QRCode em todo o sistema de ônibus da cidade fosse colocada em prática a partir de dezembro de 2017, data que foi postergada para 17 de fevereiro de 2018.

    Em publicação no Diário Oficial em 2017, a secretaria municipal de transportes de Campinas regularizou a comercialização e a operação dos bilhetes QRCode, que terão validade de apenas 30 dias após a emissão e não poderão ser usados nas integrações do sistema.

    LOCAIS DE PAGAMENTO POR QRCODE

    Para quem não possui o Bilhete Único, o bilhete impresso com QRCode pode ser adquirido em locais credenciados.

    No entorno do Terminal Central são 17 postos autorizados a comercializar o bilhete. Além disso, para otimizar o embarque, funcionários da Transurc venderão o QRCode diretamente nas plataformas de embarque até as 21h.

    Locais de venda do QRCode – entorno do Terminal Central de Campinas

    Banca Lima – Avenida Franscisco Glicério, 919

    Banca Bem-vindo – Rua Dr. Costa Aguiar, 701

    Banca do Miro – Avenida Dr. Campos Sales, 663

    Banca Barboza – Rua Cônego Cipião, 157

    Casa do Norte – Rua Cônego Cipião, s/nº, Box 33

    Açougue Megacarnes – Praça Marechal Floriano Peixoto, 302

    Cantinho do Espeto – Avenida Dr. Campos Sales, 564

    Banca da Vó – Avenida Senador Saraiva, 444

    Banca Nico – Avenida Francisco Glicério, 601

    Farmácia Salles – Avenida Dr. Campos Sales, 402

    Farmacenter – Avenida Dr. Campos Sales, 312

    Banca do Álvaro – Avenida Ferreira Penteado, FT.773

    Café Sabor & Cia – Rua Marechal Deodoro, 58

    Banca do Vinagre – Rua Costa Aguiar, Box 9, nº 600

    A Maranata Livraria Evangélica – Rua Treze de Maio, 130

    VHY Comércio – Rua Ferreira Penteado, 390

    Banca da Alessandra – Rua José Paulino, s/nº, esquina com Avenida Dr. Moraes Sales

    Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

  • Com o slogan “Esperar no ponto de ônibus pra quê?”, a RMTC apresenta nova versão do aplicativo SiMRmtc

    15/09/2017 Categoria: Produtos

    A ferramenta facilita o acesso das pessoas ao transporte coletivo e promete uma experiência mais confortável e segura

    Ir para o ponto de ônibus sem saber a hora que o ônibus vai passar é uma situação do passado. Com o aplicativo SiMRmtc é possível saber o horário em tempo real de qualquer ônibus na região metropolitana de Goiânia, além de diversas outras funcionalidades que prometem uma experiência mais confortável e segura no transporte público coletivo.

    Com o slogan “Esperar no ponto de ônibus pra quê?”, a Rede Metropolitana de Transporte Coletivo (RMTC) apresenta, neste mês, a nova versão do aplicativo SiMRmtc, atualizado para proporcionar uma experiência diferente ao usuário, que poderá, antes de sair de casa, consultar quantos minutos faltam para que o ônibus passe em determinado ponto de embarque, programar um alarme para ser avisado quando o veículo estiver próximo e até avaliar a viagem, nos quesitos limpeza e conservação, segurança, conforto, comportamento do motorista e tempo de espera.

    O diretor executivo do RedeMob Consórcio, Leomar Avelino, explica que o objetivo da ação é informar as pessoas que usam o transporte público dos benefícios que o aplicativo pode proporcionar. “O conhecimento do horário do ônibus em tempo real facilita a viagem e agrega valor à vida do cliente”, ressalta Avelino.

    Pensando em contribuir ainda mais com a usabilidade e relevância do aplicativo, todas as funcionalidades receberam atualizações e agora o aplicativo conta com uma conexão direta com diversos serviços oferecidos pela RMTC. O gerente de marketing do RedeMob Consórcio, Fernando Noleto, garante que o aplicativo é 100% confiável. “A nova versão foi amplamente testada e está apta a oferecer uma nova experiência de comunicação e relacionamento com nossos clientes”, enfatizou Noleto.

    Quem já utiliza o aplicativo faz boa avaliação, principalmente em relação à assertividade dos horários dos veículos. Walter Hugo de Souza Rodrigues, 24 anos, mudou-se recentemente de Brasília para Goiânia e avalia positivamente a ferramenta. “Depois que descobri o SiMRmtc me deslocar na cidade ficou muito melhor. Os ônibus realmente passam na hora indicada”, disse.

    Além de consultar os horários dos veículos em tempo real, com o aplicativo é possível localizar os pontos de venda de produto Sitpass; planejar a viagem, descobrindo quais ônibus fazem determinando trecho; programar alarmes; avaliar a viagem; abrir chamados no Serviço de Atendimento ao Cliente (SAC) e acompanhar os protocolos.

    SimRmtc
    Lançado em 2015, o aplicativo para smartphone acumula quase 100 mil downloads e está disponível gratuitamente para todos os sistemas operacionais, nas lojas virtuais do Windows Phone, App Store (iOS) e Play Store (Android).

     

    Saiba mais:
    Aplicativo SiMRmtc
    Para Android: http://bit.ly/2h2g8Dn
    Para iOS: http://apple.co/2h35PyS
    Para Windows Phone: http://goo.gl/4aagdy
    Site oficial: sim.rmtcgoiania.com.br

    Redes Sociais:
    Facebook: /rmtcgoiania.oficial
    Twitter: @rmtcgoiania
    Instagram: @rmtcgoiania
    Youtube: /rmtcgoiania

    Mais informações:
    Assessoria de Comunicação
    [email protected]
    (62) 9 8591-4753

  • RMTC reformula aplicativo e amplia interação com usuários do transporte

    05/09/2017 Categoria: Produtos

    Com o objetivo de otimizar o atendimento à população que utiliza o transporte público na Grande Goiânia, a Rede Metropolitana do Transporte Coletivo (RMTC) aprimorou o aplicativo SimRmtc, criado em 2015 e disponível para smartphones.

    Em entrevista ao jornal A Redação, o gerente de marketing da Rede, Fernando Noleto, explicou que o aplicativo passou por atualizações que visam um novo formato de relacionamento entre a empresa e o usuário do transporte público.

    “O diferencial desse trabalho é a aproximação entre a RMTC e o usuário do transporte coletivo. Queremos saber como nossos passageiros avaliam o serviço que é prestado pela Rede. É através desse feedback que vamos aprimorar cada vez mais o serviço e levar mais melhorias à população”, ressaltou.

    Nos menus ‘Avalie o Serviço’ e ‘Fale Conosco’, os usuários podem avaliar a viagem, o motorista, a limpeza dos ônibus e o tempo de espera da viagem. Assim como também podem fazer denúncias, elogios, reclamações ou dar sugestões à RMTC.

    Os canais de interação já existiam, mas foram aprimorados para aumentar, ainda mais, a proximidade com o usuário. “Fazemos questão da interação com o passageiro. Acreditamos que a facilidade do aplicativo incentiva o usuário a conversar com a empresa”, explicou Fernando Noleto.

    Além do relacionamento com o usuário do transporte público, o SimRmtc também permite ao passageiro que ele acompanhe o deslocamento dos ônibus em tempo real, planeje sua viagem, visualize os pontos de recarga do cartão Sitpass e programe alarmes para as linhas de ônibus marcadas como favoritas.

    Conheça mais sobre o aplicativo oficial da RMTC aqui.

    Fonte: A Redação

     

  • Cartão Metrobus entra em vigor neste sábado

    04/11/2016 Categoria: Produtos

    metrobus-01

    A partir deste sábado, 5/11, entra em vigor o Cartão Metrobus – que garante o benefício da meia tarifa no Eixo Anhanguera e todas suas extensões. O cartão tem o objetivo de ofertar o subsídio aos cidadãos que de fato precisam, evitando fraudes.

    Mesmo depois do início da vigência, quem quiser continuar pagando 50% do valor da passagem poderá solicitar o cartão a qualquer momento. O cadastramento é feito nas unidades Vapt Vupt, no site da Secretaria de Governo ou da Superintendência da Juventude e pelo aplicativo “Cartão Metrobus” disponível para todas as plataformas. O cadastro tem validade de 12 meses e é renovado anualmente no mês do aniversário do titular.

    O cliente que não estiver de posse do cartão na hora do embarque pagará a tarifa integral vigente de R$ 3,70. Para fazer o cadastro são necessários os seguintes documentos: carteira de identidade, CPF, foto 3×4 e comprovante de endereço com data recente. O cartão fica pronto em até 15 dias. A primeira via é emitida gratuitamente. Quem efetuou o cadastro, mas possui pendências, deve procurar com urgência uma unidade Vapt Vupt com os originais e uma cópia de todos os documentos para regularizar a situação.

    O Cartão Metrobus dá direito a até quatro viagens diárias, em um total máximo de 120 viagens por mês. Em caso de dúvidas, o telefone do Call Center é: 0800 648 2222.

Categorias

Posts recentes

Tags