• RMTC AMANHECE OPERANDO PARCIALMENTE

    19/12/2020 Categoria: esclarecimento

    O Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo Urbano e Passageiros da Região Metropolitana de Goiânia, informa que as garagens da Cootego, HP Transportes, Rápido Araguaia e Viação Reunidas amanheceram paradas.

    Os motoristas estão nas garagens, mas de braços cruzados. O SET lamenta o atual momento vivido pelo transporte e por todos os funcionários do sistema. Mas entende que perdeu totalmente a confiança e a credibilidade com os quase 5.000 funcionários do setor por não ter conseguido uma solução para o pagamento dos salários e 13º.

    Motivo da paralisação

    A paralisação dos trabalhadores é decorrente de uma falta de solução que o setor não encontrou até agora para o restante do pagamento dos salários de novembro que estão atrasados e quitação do 13º salário que as empresas propuseram ao sindicato dos trabalhadores parcelar e não chegaram a um acordo, bem como pela falta de segurança se haverá recursos para o pagamento dos salários de dezembro das empresas que fazem parte do sistema de transporte público.

    Solução

    As concessionárias estão trabalhando para que o serviço retome sua normalidade até segunda-feira. E afirma continuar na busca por uma solução para a crise instalada que, neste momento, a saída vislumbrada poderia ser o cumprimento, pelos municípios, do Plano Emergencial formulado pelo Estado de Goiás, que, inclusive, foi homologado parcialmente no processo judicial promovido pelo Ministério Público visando assegurar a manutenção da prestação do serviço de transporte público.

    Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo Urbano e Passageiros da Região Metropolitana de Goiânia.

  • Motoristas mortos por Covid-19 estavam afastados do trabalho

    30/07/2020 Categoria: esclarecimento

    Os três funcionários do transporte coletivo faziam parte do grupo de risco e não exerciam mais suas funções. Outros colaboradores confirmados com a doença atuavam em áreas administrativas e também estão afastados  

    O Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo Urbano e Passageiros da Região Metropolitana de Goiânia (SET) e o RedeMob Consórcio lamentam o óbito de três motoristas que faleceram em decorrência da Covid 19. Estes funcionários não estavam trabalhando e estavam afastados por pertencerem ao grupo de risco. A medida também foi tomada com todos os funcionários do grupo de risco após avaliação dos médicos do trabalho das empresas. Dois deles pertenciam à Rápido Araguaia e um era da Reunidas. Os demais 10 colaboradores que estão afastados por terem testado positivo para a Covid-19 atuavam em áreas administrativas das empresas. 

    Desde o início da pandemia, as empresas têm demonstrado grande preocupação com todos os que trabalham e utilizam o sistema de transporte público coletivo. Os investimentos são recorrentes em orientação de todos os seus funcionários quanto às ações de prevenção à Covid-19 em palestras e distribuição de cartilhas informativas, bem como fazem a medição diária da temperatura dos colaboradores, oferecem máscaras e álcool em gel para todos, incluindo, motoristas. 

    Para a segurança de motoristas e usuários, existe um investimento contínuo na limpeza dos veículos que é feita várias vezes ao dia ao fim de cada viagem, de forma rigorosa e com produtos sanitizantes. Todos são orientados a manterem as janelas dos ônibus abertas. Segundo pesquisa da Universidade de Caxias do Sul, os ônibus circulando com as janelas abertas proporcionam um ambiente arejado e seguro. De acordo com estudos da Universidade e da empresa Marcopolo, os ônibus com as janelas abertas têm renovação de ar de até 63% maior que a exigida em supermercados, agências bancárias e aeroportos. E atende os mínimos estabelecidos pela ABNT 16401 para ambientes como sala de aula, museus, shoppings e supermercados. Quando em movimento, essa renovação do ar excede em mais de 60% os limites estabelecidos pela ABNT. 

    Sempre que há caso suspeito, as empresas cumprem o protocolo do Ministério da Saúde e o profissional é afastado imediatamente, sendo direcionado ao serviço de saúde para diagnóstico e atendimento. Atualmente são 11 motoristas afastados por suspeita de contaminação. Vale ressaltar que os funcionários do sistema possuem plano de saúde, o que dá um grande suporte, inclusive, para suas famílias. 

    Os motoristas também são orientados indicar ao usuário o respeito ao decreto do governo do Estado, que prevê apenas passageiros sentados e que utilizem máscaras de proteção facial, cabe à Polícia Militar e à Guarda Civil a responsabilidade imediata por esta fiscalização e controle junto ao usuário. 

    Todas as ações das empresas podem ser provadas e elas se colocam à disposição para receber os veículos de comunicação para comprovar as ações. 

  • Demanda do terceiro dia de retorno das atividades

    17/07/2020 Categoria: esclarecimento

    Segue abaixo, demanda de passageiros na Rede Metropolitana de Transporte Público no dia 16 de julho de 2020.

    Comparando com março, antes da pandemia, o fluxo de passageiros era de 521.630, e ontem foi de 178.647, uma queda de 66% na demanda de usuários. Ou seja, a demanda atual é apenas 34% da demanda antes da pandemia.

    Estes números demonstram que o retorno no fluxo de passageiros no sistema de transporte público não foi e talvez não será automático como foi divulgado.

    RedeMob Consórcio

  • Demanda do segundo dia de retorno das atividades

    16/07/2020 Categoria: esclarecimento

    Segue abaixo, demanda de passageiros na Rede Metropolitana de Transporte Público no dia 15 de julho de 2020.

    Comparando com março, antes da pandemia, o fluxo de passageiros era de 521.630, e ontem 179.520, uma queda de 66% na demanda de usuários. Ou seja, a demanda atual é apenas 34% da demanda antes da pandemia.

    Estes números demonstram que o retorno no fluxo de passageiros no sistema de transporte público não foi e talvez não será automático como foi divulgado ontem.

    RedeMob Consórcio

  • Nota sobre denúncia de adolescente agredido por torcida organizada

    13/11/2014 Categoria: esclarecimento

    O RedeMob Consórcio informa que está empreendendo todos os esforços possíveis para apurar informações que possam colaborar com as investigações da Polícia Civil sobre o caso do adolescente que teria sido agredido por integrantes de uma torcida organizada, em Goiânia, no último domingo, dia 9. As imagens do circuito de segurança dos terminais por onde os torcedores passaram serão entregues ainda hoje à delegada responsável pelo inquérito.

    O Consórcio entende que a forma violenta com que as torcidas organizadas vêm agindo na sociedade e no transporte coletivo é uma questão de segurança pública e, como tal, deve ser investigada pelos órgãos competentes. As concessionárias do transporte público da Região Metropolitana de Goiânia têm trabalhado em parceria com a Secretaria da Segurança Pública de Goiás, investindo em ferramentas que possam facilitar a denúncia e contribuir para a elucidação de crimes como este.

    Desde agosto deste ano, qualquer cidadão pode denunciar crimes ou atitudes suspeitas dentro dos ônibus e terminais. Para isto basta enviar uma mensagem de celular, via SMS ou WhatsApp, para o número (62) 8591-8952, informando o que está acontecendo, o nome do terminal e/ou número do ônibus. A denúncia é recebida pelo posto de Segurança do RedeMob Consórcio instalado dentro do Comando de Operações da Polícia Militar, que pode agir rapidamente enviando a viatura mais próxima ao local.

    Este serviço funciona todos os dias das 5h à 1h30 da madrugada e recebe somente denúncias relacionadas à segurança no transporte público. Como o contato é “silencioso”, o passageiro pode contribuir para sua própria segurança sem precisar se expor.

    O Consórcio lembra que todos os motoristas da RMTC também são orientados, equipados e treinados para comunicar qualquer irregularidade que venha a ocorrer na operação à Central de Controle Operacional ou ao posto da Central de Segurança de Transportes no COPOM.

Categorias

Posts recentes

Tags