• Batalhão de Terminal garante mais segurança no transporte público

    16/08/2018 Categoria: Segurança

    A presença do Batalhão de Terminal já apresenta resultados positivos para a população. Segundo dados da Secretaria de Segurança Pública, entre abril e julho deste ano, houve queda de 66% no registro de roubos a usuários do transporte público em comparação com o mesmo período de 2017. A medida já foi ampliada para Aparecida de Goiânia e Luziânia.

    A Polícia Militar (PM) tem desenvolvido ações específicas de policiamento no transporte público coletivo na capital, resultando em maior segurança aos usuários do serviço.

    Segundo o gerente de Segurança de Transportes do RedeMob Consórcio, Sandro Guimarães, a presença da polícia nos terminais e as ações diárias promovidas pelo Batalhão de Terminal proporcionam maior sensação de segurança aos clientes do transporte coletivo.

    O comandante do Batalhão do Terminal, Major Bessa, afirma que a parceria com o RedeMob Consórcio auxilia na atuação da polícia. “O Consórcio dispõe de um aparato tecnológico que realiza o monitoramento por meio de equipes que nos encaminham as ocorrências em tempo real, facilitando nossa ação.”

    Além dos usuários do transporte, os permissionários do Terminal Padre Pelágio também já sentem a diferença na rotina com a presença da PM. Para Marcos Silva Rodrigues, permissionário no terminal há 15 anos, as melhorias são visíveis. “Todos percebemos. Hoje trabalhamos com segurança.”

    Entre as medidas de atuação da PM estão a possibilidade de registro do TCO (Termo Circunstancial de Ocorrência) dentro do terminal, a disponibilidade de um meio de comunicação direta com a polícia, por meio do totem que possibilita acesso direto à polícia, além das viaturas e dos profissionais da PM dentro dos terminais, mais próximos à população.

    Totem localizado no Terminal Padre Pelágio possibilita acesso direto à polícia

     

    Confira a matéria veiculada pela TV Goiânia Band sobre o assunto clicando aqui.

  • Reecontro no terminal

    29/05/2018 Categoria: Segurança

    Na manhã deste domingo, 27, uma mulher que estava desaparecida foi encontrada no terminal Novo Mundo. Um rapaz que não quis se identificar encontrou a Gabriela no terminal Praça da Bíblia e, percebendo que ela estava perdida, ofereceu um lanche e a acompanhou até o terminal Novo Mundo, onde entrou em contato com a segurança.

    A jovem foi encaminhada à sala de apoio da Polícia Civil, onde uma equipe de vigilância realizou uma busca e encontrou através das redes sociais uma página com seu nome e informações do seu desaparecimento. A jovem, que faz tratamento para depressão, é da zona rural de Santo Antônio de Goiás e estava desaparecida há 48 horas.

    A equipe entrou em contato com a família, que compareceu ao terminal para reencontrá-la. Caso você veja uma situação como esta, não hesite em ajudar, todos os terminais possuem salas de apoio  e equipes treinadas para agir nesses casos.

     

  • Pesquisa com clientes do Eixo Anhanguera aponta melhoria no grau de satisfação

    22/05/2018 Categoria: Segurança

    No dia 27 de abril, o RedeMob Consórcio realizou uma pesquisa de avaliação do serviço do Eixo Anhanguera nos terminais Praça da Bíblia, Dergo, Novo Mundo, Praça A e Padre Pelágio. A pesquisa tem 95% de confiabilidade e 5% de margem de erro.

    Segundo o resultado, os usuários consideram que há uma melhoria geral de 64% nos terminais do Eixo. O item “Segurança” foi um dos pontos de maior crescimento, com aumento de 329% de melhoria na avaliação do cliente. Outros itens receberam destaque, o “Conforto” e “Organização das filas de embarque” aumentaram em 68% e “Limpeza” cresceu 53% de acordo com a percepção dos clientes.

    Dentre as melhorias realizadas nos Terminais do Eixo, estão: novas salas de apoio para Polícia Militar com presença constante de policiais militares e vigilantes, revitalização de faixas de pedestre, meios-fios, faixa de contenção nas plataformas e implantação de novas placas informativas, além de pintura do bloco de apoio aos clientes, serviços de jardinagem e revitalização dos canteiros. Houveram também ações pontuais como recapeamento da pista no acesso de veículos leste no Terminal Praça da Bíblia e revitalização da praça de convivência do Terminal Padre Pelágio.

    A segurança pública implantada é e representa a grande evolução nos terminais. As ações pontuais na infraestrutura são importantes enquanto medidas paliativas. A solução definitiva passa pelas reformas dos terminais, estações e corredor Anhanguera.

  • Terminal Bandeiras recebe Projeto Ponto Final

    16/05/2018 Categoria: Segurança

    O Terminal Bandeiras recebeu nesta segunda-feira (14) o Projeto Ponto Final, parceria com o Tribunal de Justiça, Ministério Público e Secretaria de Segurança Pública do Estado de Goiás.

    O serviço móvel da Polícia Militar esteve disponível para realização da lavratura do Termo Circunstancial de Ocorrência (TCO) no local, além de um ônibus da Justiça Itinerante contendo juízes e promotores para que as ocorrências fossem resolvidas dentro dos terminais, sem necessidade de deslocamento até a delegacia.

    A Patrulha Maria da Penha, que atua no atendimento às ocorrências de assédio, agressão, ameaças e outros tipos penais contra a mulher, também esteve no terminal realizando uma ação intensiva e distribuindo cartilhas informativas.

  • Ponto Final do Assédio

    11/05/2018 Categoria: Segurança

    Um bom convívio em sociedade depende, principalmente, da valorização da ética e respeito entre as pessoas. No transporte público coletivo, essa lógica não é diferente. Contudo, alguns comportamentos ainda se colocam como entrave ao bem estar da sociedade e dificultam seu progresso. Um exemplo é o desrespeito sofrido por mulheres ainda nos dias de hoje através do assédio.

    Assédio é qualquer ato que cause constrangimento ou viole a intimidade do outro. Contato físico ofensivo e sem consentimento, constrangimento verbal, etc. Atitudes como essas podem ser consideradas crimes, consequentemente passíveis de punição. É necessário a mobilização de todos para que possamos abolir essa prática, e a denúncia é parte fundamental que deve ser estimulada de forma a inibir futuras agressões.

     

    Presenciou ou sofreu abusos?

    Agora, com a possibilidade de se registrar o TCO (Termo Circunstancial de Ocorrência) com a Polícia Militar nos terminais, os clientes do transporte público podem denunciar abusos sem necessidade de comparecer à delegacia, bastando apenas se dirigir a um dos policiais.

    Além disso, a Patrulha Maria da Penha disponibiliza um telefone exclusivo para denúncias de crimes contra a mulher: (62) 99930-9778.

    Também é possível denunciar através do nosso canal de comunicação via whatsapp: (62) 98591-8952. As denúncias de ocorrências de crimes são rapidamente encaminhadas ao Comando de Operações da Polícia Militar (Copom), que aciona a viatura mais próxima.

    Equipe da Patrulha Maria da Penha realiza ação intensiva no Terminal Vera Cruz

Categorias

Posts recentes

Tags