• Transporte Coletivo na grande Goiânia inicia semana com recuo de 43,2% no volume de validações

    11/01/2022 Categoria: Boletim Diário de Fluxo e Demanda

    Sistema RMTC registra 296.315 passageiros nesta segunda-feira, enquanto no dia 9 de março de 2020, antes da pandemia de Covid-19, índice foi de 521.963 usuários 

    A Rede Metropolitana de Transporte Coletivo (RMTC) possuía, no dia 9 de março de 2020, antes da pandemia de Covid-19, uma demanda de 521.963 usuários. Em um comparativo com esta segunda-feira última, dia 10, a rede registrou 296.315 validações, recuo de 43,2% nas validações durante todo o dia, ou seja, menos 225.648 validações deixaram de ser feitas ontem no sistema.    

    Seguindo a mesma base comparativa, antes da pandemia, o SIMA – Sistema Integrado Metropolitano Anhanguera tinha uma demanda de 180.076 validações no dia 09 de março de 2020. No dia de ontem, 10, a queda nas validações no sistema foi de 42,4%, o que equivale a 76.377 validações a menos.  

    Em Goiânia, que alcançou 217.211 validações no transporte público antes da pandemia, na última segunda-feira foram registrados 117.215 usuários, um volume 46% menor de validações – o que equivale a menos 99.996 validações.  

    E Aparecida de Goiânia, que recebia 124.676 validações no sistema no dia 09 de março de 2020, teve ontem um volume 39,5% menor, ou seja, 49.275 menos validações.

  • Boletim do Transporte – Número de usuários do transporte público cai pela metade em comparação com o período anterior à pandemia

    10/01/2022 Categoria: Boletim do Transporte Coletivo

    Dados apontam que a rede registrou 288.079 validações de passageiros por dia, um recuo de 44,8% em um ano

    Edição 357, dia 10 de janeiro de 2022.

  • Mais uma semana encerra com queda no volume de usuários no Transporte Coletivo da Grande Goiânia

    10/01/2022 Categoria: Boletim Diário de Fluxo e Demanda

    Sistema RMTC registra 280.555 passageiros na sexta-feira, redução de 46,3% diante do dia 9 de março de 2020, antes da pandemia de Covid-19, que teve 521.963 validações 

    A Rede Metropolitana de Transporte Coletivo (RMTC) possuía, no dia 9 de março de 2020, antes da pandemia de Covid-19, uma demanda de 521.963 usuários. Em um comparativo com a sexta-feira última, dia 7, a rede registrou 280.555 validações, recuo de 46,3% nas validações durante todo o dia, ou seja, menos 241.408 validações deixaram de ser feitas no sistema.    

    Seguindo a mesma base comparativa, antes da pandemia, o SIMA – Sistema Integrado Metropolitano Anhanguera tinha uma demanda de 180.076 validações no dia 09 de março de 2020. Na sexta-feira, dia 07, a queda nas validações no sistema foi de 45,5%, o que equivale a 81.906 validações a menos.  

    Em Goiânia, que alcançou 217.211 validações no transporte público antes da pandemia, na última sexta-feira (07) foram registrados 111.166 usuários, um volume 48,8% menor de validações – o que equivale a menos 106.045 validações.  

    E Aparecida de Goiânia, que recebia 124.676 validações no sistema no dia 09 de março de 2020, teve um volume 42,9% menor também na sexta-feira, ou seja, 53.457 menos validações.

  • Boletim do Transporte – Governo de Minas Gerais vai propor integração do transporte público na região metropolitana de BH

    07/01/2022 Categoria: Boletim do Transporte Coletivo

    Proposta preliminar deve ser apresentada aos municípios no próximo dia 14 e pode incluir unificação do sistema de bilhetagem eletrônica e integração tarifária

    Edição 356, dia 07 de janeiro de 2022.

  • Validações no Transporte Coletivo da Região Metropolitana continuam em queda

    07/01/2022 Categoria: Boletim Diário de Fluxo e Demanda

    Sistema alcança 288.079 passageiros na quinta-feira, recuo de 44,7% frente ao dia 9 de março de 2020, antes da pandemia de Covid-19, que registrou 521.963 validações 

    A Rede Metropolitana de Transporte Coletivo (RMTC) possuía, no dia 9 de março de 2020, antes da pandemia de Covid-19, uma demanda de 521.963 usuários. Em um comparativo com a última quinta-feira, dia 6, a rede registrou 288.079 validações, recuo de 44,8% nas validações durante todo o dia, ou seja, menos 233.884 validações deixaram de ser feitas ontem no sistema.    

    Seguindo a mesma base comparativa, antes da pandemia, o SIMA – Sistema Integrado Metropolitano Anhanguera tinha uma demanda de 180.076 validações no dia 09 de março de 2020. Nesta quinta-feira, dia 06, a queda nas validações no sistema foi de 44,8%, o que equivale a 80.645 validações a menos.  

    Em Goiânia, que alcançou 217.211 validações no transporte público antes da pandemia, no dia de ontem registrou 114.334 usuários, um volume 47,4% menor de validações – o que equivale a menos 102.877 validações.  

    E Aparecida de Goiânia, que recebia 124.676 validações no sistema no dia 09 de março de 2020, teve um volume 40,4% menor também na última quinta-feira, ou seja, 50.362 menos validações. 

Categorias

Posts recentes

Tags